Total de visualizações de página

sábado, 14 de abril de 2012

Haicai 8

Desenho de Taciane, minha filha com seis anos.

Haicai, haikai ou haiku é um pequeno poema de origem japonesa com aspecto formal de três versos. O primeiro verso tem cinco sílabas poéticas; o segundo sete e o terceiro cinco:

  1    2     3    4   5 
Co/mo/ que/ le/va/da

  1   2   3    4       5   6   7
Pe/la/ bri/sa, a/ bor/bo/le/ta

  1     2   3       4      5 
Vai/ de/ ra/mo em/ ra/mo. (Matsuô Bashô)

A tradição nipônica faz com verso branco e métrica perfeita, mas, no Brasil, tanto é praticado com verso livre quanto rimado (eu gosto de rimado), sobretudo por Millôr Fernandes, que o tenho como referência. Aqui, no Amazonas, há muito haicaístas, como Luiz Bacellar, Aníbal Beça e Zemaria Pinto, que foi meu professor. A idéia central do haicai é paisagística e filosófica, porém os brasileiros abordam temas diversos, por exemplo, político, humorístico. O pioneiro em fazer haicai foi  Matsuô Bashô (1644-1694), que se dedicou a fazer dele uma prática espiritual. A seguir, darei exemplos de haicais de autores diversos e depois os meus. Quero agradecer minha amiga Elisa T. Campos do blog  Pintando Haikai    por ter me cedido seus haicais para esta postagem e pela bela homenagem que me prestou.

Rompendo a quietude,
O alarido das cigarras
Vibra nos rochedos.
(Matsuô Bashô)

Numa flor, somente,
A libélula não pousa;
Na espuma do mar.
(Matsuô Bashô)

Em cima da neve,
O corvo esta manhã
Pousou bem leve.
(Millôr Fernandes)

Vem cá, passarinho
E vamos brincar nós dois
Que não temos ninho.
(Millôr Fernandes)

Do São Bento,
Voa a meia de mulher
Perseguida pelo vento.
(Millôr Fernandes)

Pluma de pássaro
Pousa suave no pátio –
Nasce um cabelo branco.
(Aníbal Beça)

Folhas abafadas:
Desperta o uirapuru
A manhã da selva.
(Anílbal Beça)

Jato de chuveiro.
Resplandor de água.
Santo de banheiro.
(Luiz Bacellar)

Floresce o jambeiro:
Há um tapete róseo
No chão de janeiro.
(Luiz Bacellar)

O sapo, num salto
Cresce ao lume do crepúsculo
Buscando a manhã.
(Zemaria Pinto)

Reflexo de sol
No vermelho das espigas
- Tempo de colher.
(Zemaria Pinto)

Abrindo um antigo caderno
Foi que eu descobri:
Antigamente eu era eterno.
(Paulo Leminski)

Pupa rompida
Ensaia o primeiro voo
Borboleta azul.
(Elisa T. Campos)

Dois leques
Ladeiam a rede elétrica
Sibipirunas em flor.
(Elisa T. Campos)

E agora os meus haicais:
Permanece azul,
Pura e cristalina a água
Do Lago Mashu.

Anuncia o arrebol
Matinal com seu gorjeio
Alto o rouxinol.

No céu, infinito,
Vagam os cirros diáfanos
De tempo finito.

Foi com muito alarde
Que ocorreu o eclipse lunar
Já em plena tarde.

Estrela-diamante
Segue percurso lunar
Com olho a brilhar.

Será dia chuvoso
Se o céu estiver repleto
De estrato ou nimboso.

Rã pula no lago,
Que a recebe com sorriso
E com um afago.

Lua brilha no Céu;
A nuvem cobre seu rosto
Como um branco véu.

Após Sol se pôr,
Resplandece cirro-nimbo
Com face em rubor.

Deixa-me mui lasso
A estação formada por
Um denso mormaço.

É no mês de março
Que o clima ameniza na
Polis do mormaço.

Lua muito brilhante
Observa-me pela fresta
Do meu basculante.



40 comentários:

  1. Haicai é realmente um extrato mental de primeira grandeza! Belos pela essência! Basta!
    Bj. Célia.

    ResponderExcluir
  2. Bentinho,
    que linda esta postagem.
    Acredites em mim, neste momento estou com febre, mas percebi que atualizaste e vim aqui. Linda essa interação tua com a querida Elisa, dois talentos da blogosfera, certamente.
    Isso, sem falar na Taciane!!!
    Abraços a vocês todos e ótimo domingo!

    ResponderExcluir
  3. Olá querido amigo Bento,

    Mais uma especialidade da "casa"!
    Vários especialistas, aqui, se encontram, como se fosse, sempre, um evento, de proporção nacional.
    Pequeninas trovas, sempre com aquele sabor e cunho populares.

    PARABÉNS "MEU" REI E MEU AMIGO.

    Quero agradecer as tuas sentidas e bonitas palavras, em relação ao meu blog.

    Do coração, um beijo.

    ResponderExcluir
  4. Olá amigo Bento!!
    Acabei de vir do blog da Elisa..me deliciei por lá!
    Linda e merecida homenagem. Me senti na Amazonia.
    E chego aqui me delicio com mais hai-kais.
    Digo que esta é uma boa maneira de começar um domingo.
    Pergunte a Taciane se ela me empresta o desenho dela para ficar alguns dias la no meu blog. Adoraria.

    um beijo..um bom domingos a voce e a todos que te rodeiam!!

    ResponderExcluir
  5. Sempre apreciei muito este tipo de poesia.

    Tenha bom domingo.

    ResponderExcluir
  6. Adoreeeiii ler essa postagem... digamos que vc e a querida Elisa tem aguçado minha curiosidade em relação aos Haicais. Acho lindos e singelos...

    Abração :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Adoro teus Haicais, Bento! *-*
      Beijos em ti e na Taciane!

      Excluir
  7. Oi Bento,

    gosto de haicais também. Não conhecia os autores do Amazonas e nem este seu talento.

    Parabéns!

    Abraços

    Leila

    ResponderExcluir
  8. Olá Bentão meu amigo!
    Essa postagem não é repetida? Bom se for não tem problema, sempre é bom a gente ler as informações mais de uma vez pra fixá-las.

    Quanto aos seus haicais eu já te disse que vc é meste!

    Parabens meu amigo!

    ResponderExcluir
  9. Meu querido amigo, que show de aula sobre haikais...eu também aprecio e acho super dificil de fazê-los seguindo a métrica, ainda não me aventurei a escrever nenhum, mesmo que fosse um em verso livre, quem sabe uma hora destas rsrsr...
    Amei todos, é uma arte admirável por demais.
    Um encanto o desenho da Taciane...
    Beijos e feliz semana amigo,
    Valéria

    ResponderExcluir
  10. Muito bom.
    Queria só dizer que aprendi a origem e a gostar de haicai aqui no Folhas Soltas.
    Boa semana.

    ResponderExcluir
  11. Muito boa a explanação professor, excelente arte a qual domina com grandeza.
    Um grande abraço!

    ResponderExcluir
  12. Oi Bento,

    Te confesso que estou ficando cada vez mais curiosa com suas aulas.
    Parece complicado, mas não é de todo dificil.
    Você e a Elisa são mestres em Haicai.
    Os seus são maravilhosos, estão melhores que o do grande e admiravel Millôr Fernandes.

    Adorei amigo, sem contar que a sua filhota esta virando uma parceira e colaboradora das sua postagens.
    Gostei da bicicletinha dela, muito inteligente.

    Abraço meu amigo!
    Ótima semana!

    Tem postagem nova!

    ResponderExcluir
  13. Oi Bento,

    Tudo bem? Sua filha já é uma blogueira de mão cheia e breve você vai estar comentando no dela. Isso aconteceu com o meu filho. Confesso que tive que ler duas vezes, mas depois achei um encanto a proposta.

    Lu

    ResponderExcluir
  14. Olá meu grande amigo Bento,

    Eu também prefiro poemas e haicais (que conheci melhor através do seu blog) rimados. Mas com rimas ricas, não aquelas rimas fáceis de verbos com verbos como "amar" e "estar", "beber" e "ser", "curtir" e "sentir", etc. embora em alguns casos sejam rimas necessárias.

    Eu conheço um amigo que se diz "poeta", orgulhoso de ser registrado numa tal organização não sei das quantas. Mas pra ser poeta é preciso muito mais que vontade, é preciso talento e conhecimento do nosso rico vocabulário, como você nos seus haicais que usam termos como "cirro-nimbo", "diáfanos", "arrebol" para enriquecer a rima (e que também enriquece o conhecimento do nosso idioma). Outro grande mestre no uso das palavras era o nosso recém falecido Millôr que, não contente em usar termos diferentes, ainda criava os dele através de neologismos.

    Um grande abraço meu camarada.

    ResponderExcluir
  15. Bento, que maravilha essa aula e seus haicai.Eu adoro haicai, mas acho difícil de fazer, pois os vejo como o supra sumo, a essência e eu sou de "falar bastante" nos meus poemas... rs

    Beijo.

    ResponderExcluir
  16. Boa noite Bento, muito prazer em estar aqui e conhecer o teu blog, e apreciar Haicais que eu adoro.
    Adorei a aula , e penso em escrever alguns, a qualquer momento.rss..

    Estou te seguindo, voltarei pra segunda aula. Me aguarde!

    Beijinhos da Lu...

    ResponderExcluir
  17. Oi Bento,

    sempre que venho aqui aprendo algo, não sabia que Haicais eram tão antigos, pensei serem bem mais atuais.

    Os seus Haicais estão lindos, gostei de você ter postado de vários autores inclusive do criador deles, dá para perceber claramente a linha poética de cada escritor.

    Abraços, querido amigo!

    ResponderExcluir
  18. Olá, Bento.
    Pelo fato da civilização nipônica ter alguns milhares de anos a mais do que a nossa, acabou-se criando formas singulares e únicas de expressão escrita como o haicai.
    Parabéns pela criatividade e inventividade, Bento.
    Abraço.

    ResponderExcluir
  19. Boa noite, Bento. Vi você em alguns espaços amigos, e resolvi te conhecer.
    Eu gostei muito do seu blog, e aprendi pequenas coisas superficialmente, uma vez que é a primeira vez que venho aqui.
    Confesso que parece ser um pouco complicado compreender a métrica perfeita, mas quem sabe um dia eu consiga?
    Gostei do seu perfil, pois apesar da sua graduação, considera-se um aprendiz.
    Deduzo, então, que não és uma pessoa arrogante, e isso é excelente, pois mostra a verdadeira sabedoria na simplicidade!
    Parabéns, por todo o seu blog, e por tudo o que aqui li.
    Um beijo na alma, e fique na paz!

    ResponderExcluir
  20. Agora que vi que tem um espaço para sonetos! Eu amo sonetos, arrisquei-me a escrever, mas é claro, não deve ter ficado perfeito. Postei assim mesmo alguns, pois li, pesquisei e coloquei a minha alma neles.
    Eu sim que tenho muitoooooooooooooooooo a aprender!
    Beijo grande!

    ResponderExcluir
  21. Oi Bento
    Foi através dos blogs amigos que descobri os haicais , poderia já ter lido alguns sem saber sua história e identificá-los como tal.Aqui aprende-se e isso é bom.
    Tem tudo a ver com a tradição e o estilo japonês.
    Bonito !estou gostando muito.
    Parabéns , ficou ótima a postagem.
    deixo abraços

    ResponderExcluir
  22. Preclaro Bento, boa noite

    O último haicai que fala sobre a lua o observando pelo basculante ficou lindo demais!!!!!!!


    Parabéns!

    ResponderExcluir
  23. bento, meu querido amigo,
    contactei com os haikai, pela primeira vez, no início do século através de uma publicação de josé pedro mésseder (grande poeta português contemporâneo) que, com "à noite as estrelas descem do céu" fixou em mim um território de delicadeza que, partindo de uma aparente simplicidade, tocava tantas inquietações do leitor. daí para diante, passei a estar mais atento e é justamente na blogosfera que vou alimentando esta minha ânsia pelos haikai, sobretudo pelas mãos da elisa campos, do cristiano marcell e tuas - tu que vens dedicando ao subgénero atenção poética e pedagógica. grato aos três
    um abraço!

    "chuva nas folhas dos plátanos -
    asas de inverno
    no verão
    *
    manhã de domingo,
    silêncio -
    o dia que não acorda"

    j. p. mésseder

    ResponderExcluir
  24. querido amigo,
    volto aqui para reparar uma injustiça não intencional: o arnoldo pimentel tem também um blogue com haikais que muito aprecio.

    um abraço renovado e um beijinho para a já artista taciane!

    ResponderExcluir
  25. Saudações, Bento!
    Muito válido a didática que você faz em seus posts.
    Abraços!

    Aproveitando, deixo aqui um vídeo para xs leitorxs do espaço: http://vimeo.com/40411264

    ResponderExcluir
  26. Olá meu amigo, tudo bem Bento?
    Dei uma passadinha pra desejar uma excelente semana, e tentar entender mais um pouquinho sobre Haicais.
    Parabéns pela criatividade dessa postagem. Maravilhosa é pouco,isso é uma grande aula de um grande professor poeta.

    Grande abraço amigo!
    Ótima semana!

    Ja tem postagem nova!

    ResponderExcluir
  27. Bento, querido amigo desse universo da blogosfera, é sempre uma grande oportunidade quando se está no seu blog, de aprender um pouco mais. Além da doce e maravilhosa leitura de suas publicações, a oportunidade de se aprender um pouco mais com elas é a chance que você nos dá. Um grande abraço.

    ResponderExcluir
  28. Apesar de eles existirem há tanto tempo, aprendi a conviver com essa arte nos blogs. Antes, não os conhecia. E você é um dos que me encantam com essas construções maravilhosas, nas quais é mestre.
    Amo ver sua filha sempre presente no seu espaço.
    Grande beijo a ambos.

    ResponderExcluir
  29. Boa noite, querido amigo Bento.

    Eu não conhecia, antes dos blogs.
    Mas achei mais bonito o seu, que esses outros que você postou.

    Beijos.

    ResponderExcluir
  30. Bentinho, tudo bem
    Vim para te agradecer pelo comentário, e também te dizer que fiquei chateada com a pausa que o seu Evaldo está dando em seu blog, certamente viste também, não?... Uma pena :(
    Abraços!

    ResponderExcluir
  31. Bento amigo!
    Difícil viu!! E legal. Prático. Dá o recado.

    Com esse:

    "Lua muito brilhante
    Observa-me pela fresta
    Do meu basculante."

    Voltei no tempo de criança... uma lembrança boa da casa da minha mãe.
    parabéns para a Taciane pelo lindo desenho carinhoso!!!

    Beijos para os dois

    ResponderExcluir
  32. Bom dia amigo!
    Que bom ler estas informações cedo e poder ver a beleza em cada palavra escrita.
    Grande abraço
    se cuida

    ResponderExcluir
  33. Podemos prometer atos,
    mas não podemos prometer sentimentos...
    Atos são pássaros engaiolados,
    sentimentos são pássaros em vôo.
    (Rubem Alves)
    Pedindo desculpas pelo meu afastamente
    nas visitas infelizmente foram alguns dias de muita
    tenssão.
    Eu aprendo todos dias, me espelho em outras
    pessoas: Não dá pra fraquejar, quem é guerreiro
    jamais entrega a Luta..
    Deus abençoe grandemente seu final de semana beijos
    no seu doce coração.
    Evanir..

    ResponderExcluir
  34. Interessante trazer um pouco da cultura japonesa, afinal, quem gosta de ler bastante, tem que ler também poemas e viajar na imaginação que eles nos trazem por nos inspirar e encantar!

    autordesobrenome.blogspot.com

    jornalismoemfoco.blogspot.com

    ResponderExcluir
  35. Amigo Bento!
    Vim agradecer pelo comentário e presença fiel lá no Humoremconto. Pois é, amigo, fiquei sentida com a pausa do seu Evaldo, existem pessoas que nos são mais caras aqui na blogosfera, para muito além de seus trabalhos, entre outros, citaria a ti também. Espero que não dê nenhuma pausa também! rsrs
    Grande abraço e ótimo fim de semana para você e família!

    ResponderExcluir
  36. Querido amigo Bento

    Obrigada pela referência. Mas quero te dizer que quem me incentiva a fazer haicais é você e outros desta blogosfera.

    Os seus ficaram belíssimos com as dezessetes sílabas poéticas e rimadas não fugindo do estilo Bashô que reza pela concisão e objetividade com o uso do kigô-natureza (não necessariamente rimadas), os quais muitos dos nossos amigos também praticam com muita propriedade.
    Você deu uma excelente aula de haicai e gostei mais deste:

    Anuncia o arrebol
    matinal com seu gorjeio
    alto o rouxinol

    Dos haicaístas amazonenses que você citou gosto destes haicais:

    Rápido e rasteiro
    risca verde faísca-
    pequeno calango
    Anibal Beça

    Luar de agosto
    No alheio telhado ao lado
    Concerto de gatos
    Luis Bacelar

    Caminho de terra
    o mato à margem exala
    perfumes silvestres
    Zé Maria Pinto

    Um beijo á pequena Taciane
    A você, a Cissa, Ma, Joycy, Smareis e Jorge e a todos pelo
    carinho de sempre

    Um lindo final de semana
    bjs

    ResponderExcluir
  37. Ótima coletânea, meu caro amigo virtual!
    Ótimas inspirações!

    ResponderExcluir
  38. Bentinho,
    agradeço-te imensamente pela mensagem que deixaste lá no Humoremconto em função de meu aniversário! Muito obrigada, de coração!
    Você é um amigo muito especial aqui na blogosfera.
    Grande abraço!

    ResponderExcluir
  39. Muito bem, meu caro Bento!
    Sou fã de tudo que escreve.
    Um beijo.
    Magna Maria

    ResponderExcluir